C   redit
Eu encontrei quando não quis mais procurar o meu amor, e quanto levou foi pr’eu merecer, antes um mês e eu já não sei. E até quem me vê lendo o jornal na fila do pão, sabe que eu te encontrei, e ninguém dirá que é tarde demais, que é tão diferente assim, do nosso amor a gente é que sabe, pequena. Ah, vai, me diz o que é o sufoco que eu te mostro alguém a fim de te acompanhar, e se o caso for de ir à praia, eu levo essa casa numa sacola. Eu encontrei e quis duvidar, tanto clichê, deve não ser, você me falou pr’eu não me preocupar, ter fé e ver coragem no amor. E só de te ver, eu penso em trocar a minha TV, num jeito de te levar, a qualquer lugar que você queira e ir aonde o vento for, que pra nós dois sair de casa já é se aventurar. Ah, vai, me diz o que é o sossego que eu te mostro alguém a fim de te acompanhar, e se o tempo for te levar eu sigo essa hora e pego carona pra te acompanhar.
Los Hermanos. 
Não devemos ter medo dos confrontos. Até os planetas se chocam e do caos nascem as estrelas.
Charlie Chaplin.
Repara bem no que não digo.
Paulo Leminski. 
Bocas vazias,
mentes barulhentas.
Maria Moreira. 
Quando eu lhe falo dos meus problemas, não estou reclamando, estou confiando em você.
Projota
Que a gente brigue de ciúmes, porque ciúmes faz parte da paixão, e que faça as pazes rapidamente, porque paz faz parte do amor. Quero ser lembrada em horários malucos, todos os horários, pra sempre.
Tati Bernardi.   
As coisas boas chegam com o tempo… As melhores, de repente.
Cazuza.    
Seja o que for,
mas seja,
sempre sincero.
João Rodrigues. 
‎Parar de vez em quando, sair de si mesmo, permanecer em silêncio diante do Universo. Ajoelhar-se com o corpo e com a alma. Sem pedir, sem pensar, sem mesmo agradecer por nada. Apenas viver o amor calado que nos envolve. Nestes momentos, algumas lágrimas inesperadas – que não são nem de alegria, nem de tristeza – podem jorrar. Não se surpreenda. Isto é um dom. Estas lágrimas estão lavando sua alma.
Paulo Coelho
Instagram